Real JoBelo

Archive for fevereiro \27\UTC 2009|Monthly archive page

Empatou e perdeu?

In Paulistão 2009, Santos on 27 de fevereiro de 2009 at 23:11

10ª rodada – Bragantino 2×2 Santos

Peixe corre atrás e consegue empatar com o Bragantino, mas perde o artilheiro Kléber Pereira para o clássico de domingo.

molinaO Peixe parece ser o pior dos grandes clubes paulistas. Enquanto Palmeiras, Corinthians e São Paulo vão se distanciando, o time da Baixada vai brigando com a Portuguesa e outros pelo quarto lugar.

Ontem, em Bragança Paulista, o Bragantino abriu 2×0 de vantagem, mas o Santos foi brioso e conseguiu o empate com gols de Rodrigo Souto e Molina.

Empate com sabor de vitória, digamos. Mas Kléber Pereira saiu contundido e pode desfalcar o time contra o São Paulo, domingo, na Vila. E essa sim seria uma grande perda para Vágner Mancini.

Se por enquanto o campeonato não engrena, domingo tem clássico, motivo a mais para acompanhar a rodada.

Vai melhorar?

In Paulistão 2009, SPFC on 27 de fevereiro de 2009 at 23:00

10ª rodada – São Paulo 3×0 Oeste

Tricolor goleia o Oeste e dá mostras de que o bom futebol pode aparecer.

1128806-1818-gaAinda não foi uma belíssima atuação, mas o São Paulo que bateu o Oeste por 3×0, pelo menos no segundo tempo, foi o melhor time que Muricy já escalou esse ano.

No 4-4-2, com Ceni de volta ao gol, André e Miranda na zaga, Zé Luís e Junior César nas alas, e um meio-campo altamente tecnico para municiar Borges e Washington: Jean, Arouca, Jorge Wagner e Hernanes.

No primeiro tempo, no entando, a equipe criou poucas chances e desanimou os 4 mil torcedores no Morumbi (pouco, mas quinta-feira às 22h é brincadeira).

A bola precisava cair para um dos atacantes decidir, e caiu em Washington. Jean fez belíssima jogada e serviu o W9 que não marcava havia 3 partidas. Porteira aberta.

No segundo tempo, mais solto, mais criativo, e mais agressivo, o São Paulo construiu o placar que poderia ter sido muito maior. André Dias marcou um belo gol de cabeça e Hernanes fez o terceiro, após belo passe de calcanhar de Jean, o melhor da partida! Isso sem contar as duas bolas na trave de Borges e as belas defesas do goleiro do Oeste.

Enfim, um time com uma cara mais atraente, que deu pinta de que pode engrenar. Mas ainda é pouco para quem quer a Libertadores. No Paulista, o Tricolor segue na cola de Palmeiras e Corinthians, e os 3 vão nadando de braçada rumo às semi-finais.

ATUAÇÕES

01 Rogério Ceni Voltou 100%. Na única bola que veio, fez uma belíssima defesa. Muita segurança pra defesa. NOTA 7

23 Zé Luís Não é lateral, portanto não cria nada pelo lado do campo além dos cruzamentos. Mas ontem, chegou bastante ao fundo, algo que o São Paulo precisa. Bem. NOTA 6

3 André Dias Mais uma atuação muito segura na defesa. E mais um belo gol de cabeça. O monstro! NOTA 8

5 Miranda Outra vez, não deu sustos. Vai voltando a ser 0 bom e velho Miranda. Mas o Oeste não faz mal a ninguém… NOTA 7,5

6 Júnior César Poucas jogadas efetivas. Mas demonstra ser a melhor opção para a lateral esquerda, já que é lateral de ofício. Se aproximar de Jorge Wagner também é importante. NOTA 5,5

15 Jean Jogou demais na marcação, além de ser decisivo no ataque. O melhor da partida, está em grande fase! NOTA 9,0

11 Arouca Ainda meio em câmera lenta, mas tem cara de que vai ganhar essa vaga mais cedo ou mais tarde. NOTA 5,5

7 Jorge Wagner No primeiro tempo, foi mal, só jogando na base dos cruzamentos. No segundo, apareceu melhor no meio e foi mais eficiente. NOTA 6,0

10 Hernanes Estava muito bem marcado no primeiro tempo e não rendeu. No segundo, teve espaços, armou e chegou na frente pra finalizar, com um meia clássico. Premiado com mais um gol. NOTA 6,5

17 Borges Mais uma bela partida, pra cravar de vez sua vaga no time. Faltou um pouco de sorte nas duas bolas que mandou no poste. Não enfrenta o Santos, suspenso. NOTA 6,5

9 Washington Na hora em que a bola cai do jeito certo pra ele, é gol na certa! O problema é quando está de costas pro gol ou fora da área… NOTA 6,5

14 Renato Silva Pouco tempo em campo. SEM NOTA

4 Rodrigo Pouco tempo em campo. SEM NOTA

18 Hugo Pouco tempo em campo. SEM NOTA

Muricy Ramalho De novo com uma formação diferente, parece ter encontrado uma outra opção para o time. Fica claro que a presença de laterais que cheguem ao fundo é importante. Talvez com Dagoberto o time renderia mais ainda… NOTA 6,5



Os estaduais

In Futebol Brasileiro on 27 de fevereiro de 2009 at 0:58

Atualização Pós-carnaval dos principais estaduais e da Libertadores da América!

Flamengo com a cuca quente: É impressionante o azar do Cuca quando o jogo é por um mata-mata. Ele ainda pode evoluir, mas do jeito que anda, ficará muito rotulado por conta das pipocas que seus times dão na hora H. Na semi da Taça Guanabara, Bruno Meneghel deu show, e o Resende calou o Maracanã com uma vitória por 3×1. Josiel marcou para o Urubu.

Fogão na final! Sem Cuca, o Botafogo tenta apagar a fama de amarelão. Venceu o Fluminense na semi-final e está na final contra o Resende. O único gol da partida, que foi totalmente dominada pelo Alvinegro, foi marcado por Fahel, de cabeça: 1×0!

Grêmio, na semi, empata: O Grêmio bateu o Juventude, nas quartas-de-final do primeiro turno do Gauchão, no Olímpico. Alex Mineiro marcou os dois gols na vitória por 2×0, e o Tricolor encara o Veranópolis, amanhã. Deve jogar com os reservas, pois ontem estreou na Libertadores com um empate em casa, por 0x0, com o Universidad de Chile.

Inter já é finalista: Na semi do Gauchão, o Inter eliminou o Canoas com uma vitória por 2×1, gols de Taison e Índio. Foi o primeiro jogo após a saída de Alex. Hoje, o Colorado bateu o Novo Hamburgo e está na final do primeiro turno. A vitória por 2×0 foi construída com gols de Nilmar e D’alessandro.

Cruzeiro perde os 100% e empata na Liberta: No feriado de carnaval, o Cruzeiro perdeu os 100% aproveitamento nesta temporada, com o empate em 2×2 com o Uberaba, fora de casa. Jancarlos e Gérson Magrão foram os autores dos gols. Ontem, na sua segunda partida pela Libertadores, Ramires marcou o gol do empate em 1×1 com o Deportivo Quito. Semana passada, no Mineirão, os mineiros bateram o Estudiantes por 3×0, com dois de Kléber.

Galo vence: Com gols de Carlos Alberto, ex-Corinthians, e Éder Luís, ex-São Paulo, o Atlético venceu o Rio Branco por 2×0 pelo Mineiro 2009.

Vale quanto pesa?

In Corinthians on 26 de fevereiro de 2009 at 18:01

1cba018ronaldoA estreia de Ronaldo Fenômeno no Corinthians está muito próxima. Mano Menezes promete que em 2 semanas o craque entrará em campo.

Sim, Ronaldo está demorando muito para entrar em campo. Mas uma outra demora preocupa mais ainda os dirigentes do Corinthians.

Ao fecharem a contratação do jogador, todos imaginavam que, mesmo antes de sua entrada em campo, o contrato de patrocínio (ou, OS contratos) já estaria fechado, e no valor de R$ 30 milhões. Ou seja, apenas a presença do ídolo seria suficiente, e uma vez fechado, o contrato não poderia sofrer grandes alterações de acordo com as atuações de Ronaldo em campo.

Mas a crise está mesmo forte. O Corinthians está chegando ao fim de fevereiro sem patrocinador. De 30, a pedida já passou pra 20. E Ronaldo, o principal chamariz está prestes a estrear. Se ele fizer belas partidas e gols, a esperança de um ótimo patrocínio aumenta.

Mas e se for um fiasco? Alguém vai querer bancar o Timão por conta do Fenômeno? Ou a belíssima jogada de marketing está se transformando aos poucos em um tiro n’água.

Respostas nos próximos dias.

Show de Krakes.

In Palmeiras, Paulistão 2009 on 26 de fevereiro de 2009 at 17:38

10ª rodada – São Caetano 3×4 Palmeiras

Num jogaço, Verdão vence o São Caetano com mais dois gols do artilheiro Keirrison!

keirrisonscaOs ‘Muricetes’ dirão que um raio como este não cai duas vezes no mesmo lugar, e que esse sistema de jogo é muito perigoso.

Já os fãs do Luxa, defenderão a ideia do futebol bem jogado, com a bola no chão e gols…muitos gols!

Não dá pra saber quem vai se dar melhor esse ano. Pode ser o Corinthians ou o São Paulo, que aliás vem vencendo tudo com um sistema que prioriza a defesa, mas pode ser o Palmeiras, que está com um ataque fulminante e sem medo de expor a defesa.

Fato é que os amantes de futebol devem ter ficado muito mais satisfeitos com a belíssima partida entre Palmeiras e São Caetano, do que com qualquer outra dos maiores rivais do Verdão nesse ano, ou em anos anteriores. O Palmeiras está jogando bonito, pra frente. E já foi assim no começo do ano passado. Pode dar samba, pode dar bi.

A defesa merece uma atenção maior de Luxemburgo. Aos 3′ e aos 9′, Luan e Marcelo Batatais colocaram o São Caetano na frente. Este último, na bola alta, pesadelo dos palestrinos.

Mas quem tem Keirrison e Cleiton Xavier esquece rápido das falhas da defesa. Já aos 12′, o Palmeiras começou a reação. Passe do camisa 10, gol do camisa 9. Aos 23′, Cleiton Xavier, de novo, fez o cruzamento para o gol de empate do Verdão: Edmilson! Já estava na cara que a virada seria questão de tempo. Pouco tempo.

Aos 31, Diego Souza fez de cabeça e colocou o Palmeiras na frente. E mais uma vez, a assistência foi de Cleiton Xavier! Aos 46, Armero fez bela jogada e deixou Keirrison livre para marcar o 12º gol dele em 9 partidas pelo Palmeiras. No Paulistão, são 9 do artilheiro isolado.

Na segunda etapa, o Palmeiras perdeu mais gols. Em momento algum o time recuou esperando o tempo passar. No fim, Vandinho, em impedimento, diminuiu para o Azulão, mas ficou nisso.

Mais um show de Keirrison. Mais um show do Verdão Ataque Total. Líder!

Mostrando a cara

In Corinthians, Paulistão 2009 on 26 de fevereiro de 2009 at 17:18

10ª rodada – Corinthians 2×0 Noroeste

Timão faz sua melhor partida do ano e vence o Noroeste em Presidente Prudente.

1127922-5637-gaTalvez pela primeira vez nesta temporada, o Corinthians venceu jogando um futebol convincente. A equipe bateu o Noroeste, em Presidente Prudente.

Não adianta esperar que o time de Mano Menezes dê show, como o Palmeiras anda fazendo, por exemplo. A eficiência do Timão é o ponto forte.

Ontem, com Douglas melhor do que nas últimas partidas, o Corinthians criou bastante, e só não foi para o intervalo goleando, por que Jorge Henrique e Dentinho, que jogou pela primeira vez em 2009, não têm a maestria de Ronaldo na hora de balançar as redes.

Mas Ronaldo não podia jogar, ficou só nas tribunas prestigiando os companheiros. Otacílio Neto, o melhor atacante do Corinthians nesse ano, merecia ter ganho a chance de jogar como titular, já que Souza está machucado. Mas a chance veio, e ele aproveitou.

No segundo tempo, logo com um minuto, Douglas marcou de cabeça após belo cruzamento do ‘lateral’ Fabinho. Otacílio entrou aos 22′ no lugar de Dentinho, e marcou o dele aos 41. Resultado que poderia ser maior, mas que mantém o Corinthians na cola do Palmeiras, um pontinho atrás. O Noroeste é o lanterninha, com só 3 pontos…Vai cair.

E apesar de elogiar a criação do Corinthians, vale ressaltar que o Noroeste teve um gol anulado equivocadamente, quando a partida estava 0x0. E não é a primeira vez que o alvinegro é beneficiado nesse Paulistão…

Atuações do SPFC

In Paulistão 2009, SPFC on 25 de fevereiro de 2009 at 23:06

Um pouco atrasadas, mas aí vão as notas do tricolores na rodada do fim de semana.

22 Bosco Fez bem a sua parte na ausência de Rogério. Poderia não ter sofrido o gol, não fosse a falha bisonha de Joilson. Volta ao banco na quinta. NOTA 6,5

4 Rodrigo Jogou tanto como lateral, quanto como zagueiro. Não se deu bem pela ala. NOTA 5,5

3 André Dias De novo, comandou a zaga do São Paulo. Está sendo um monstro! NOTA 8,0

5 Miranda Não deu sustos e passou a segurança habitual. NOTA 7,0

6 Júnior César Foi bem. Melhor ainda com o auxílio de Jorge Wagner. Surge uma boa dupla pela esquerda, ein, Muricy?  NOTA 6,5

15 Jean Jogou todas as partidas no ano e não saiu nenhuma vez. Como disse o professor Muricy, é muito regular. De novo, jogou só pra marcar, e marcou bem. NOTA 6,5

20 Richarlyson Arriscou alguns chutes a gol com certo perigo. Parece estar treinando esse fundamento. Precisa treinar os passes também… NOTA 5,5

10 Hernanes Como meia avançado, participa de todas as jogadas de ataque do Tricolor. Trata a bola com carinho. NOTA 7,0

25 Dagoberto Correu, deu passes, cruzamentos, chutes, carrinhos…Mas Muricy prefere o esquema com dois centro-avantes. Sendo assim, será boa opção no banco. Saiu no intervalo. NOTA 6,0

17 Borges Ano passado, na reta final do Brasileiro, engrenou e deu no que deu. Nos últimos 3 jogos, fez 4 gols. Engrenou de novo! Não pode sair do time de jeito nenhum! NOTA 8,5

9 Washington No primeiro tempo a bola não chegou. No segundo, teve algumas boas participações, e de novo, pressionou para que o zagueiro fizesse contra. Mas precisa voltar a marcar… NOTA 5,5

12 Joilson Não jogava desde a estreia. Entrou e mostrou o por quê da ausência. Péssimo. NOTA 2,0

7 Jorge Wagner É o jogador do custo-benefício, como diz Muricy. Entrou para fazer cruzamentos, e assim deu duas assistências. Boa dupla com Júnior César. NOTA 8,0

19 André Lima Entrou nos lances finais. SEM NOTA

Muricy Ramalho Pra não dizerem que ele é muito teimoso, testou o esquema com três atacantes. Falhou. Errou ao escalar o time sem lateral direito, e também ao (tentar) consertar esse problema com a entrada de Joilson.  Insistiu nos dois centro-avantes e nas bolas aéreas, com Jorge Wagner. Dessa vez deu certo. NOTA 6

Retomando: O futebol no Carnaval

In Corinthians, Palmeiras, Paulistão 2009, Santos, SPFC on 25 de fevereiro de 2009 at 22:36

9ª rodada – Portuguesa 2×2 Palmeiras

1120979-2317-ga

O Verdão foi ao Canindé e sofreu com o forte bloqueio armado por Mário Sérgio. A Portuguesa foi só retranca, principalmente no primeiro tempo, onde, aliás, a tão falada velocidade do alvi-verde não apareceu, o que dificultou as coisas.

No segundo tempo, o Verdão foi rápido, e por isso conseguiu sair na frente. Bola em velocidade de Keirrison para Willans: penalti! Keirrison bateu e fez. Pouco tempo depois, Cleiton Xavier explorou a velocidade do K9, que com apenas um toque, driblou zagueiro e goleiro antes de mandar pro gol. O 10º em 8 jogos pelo Palmeiras. São 7 no Paulistão! Artilheiro ao lado de Pedrão!

Mas o time de Luxemburgo vacilou e acabou sofrendo o empate. Só o K9 não resolve, Luxa! Danilo fez penalti infantil em Christian, que Edno bateu bem. Pouco tempo depois, na desesperadora bola aérea, a defesa ficou estática e assistiu Christian cabecear pro gol. E a derrota só não veio, por que, após passar por Marcos, Fellype Gabriel chutou pra fora.

Sabor de vitória ou de derrota?

9ª rodada – Guaratinguetá 1×3 Corinthians

1120989-1891-ga

Ainda com um time sem muito glamour (e a cada rodada isso piora, por conta das contusões), o Timão venceu, e continua invicto nessa temporada.

Chicão não pôde jogar. Diego entrou na zaga e cumpriu bem o seu papel. Na ausência do contundido Alessandro, Fabinho tomou conta da lateral direita. Até Boquita ganhou sua vaguinha no meio-campo, e vem cavando seu espaço aos poucos.

Mas com tudo isso, os volantes se destacaram. De novo, logo no primeiro lance de jogo, de novo num penalti, o Timão abriu a contagem. Cristian bateu mal, mas fez no rebote. O Guará ainda diminuiu no primeiro tempo com um gol de falta, com Felipe posicionado de maneira inexplicável. Mas foi pro intervalo perdendo, após Elias marcar um belo gol de fora da área.

E ele ainda marcou mais um na segunda etapa, de novo de fora da área, para selar mais uma vitória do segundo colocado do campeonato. O Timão está um ponto atrás do líder Palmeiras, mas tem um jogo a mais.

9ª rodada – Barueri 1×3 São Paulo

2

Muricy deu prosseguimento ao rodízio de atletas e aproveitou para testar uma formação com 3 atacantes. Os que viram o jogo (o que não é o meu caso), dizem que não dará certo, e que passa a ser definitivamente uma alternativa para o segundo tempo.

Dizem também que a formação ideal foi a campo na segunda etapa. Com Jorge Wagner fazendo uma função parecida com a de Hugo, no meio, e Júnior César assumindo a lateral-esquerda. E isso se comprova com os fatos: nos três gols, um deles, ou os dois, tiveram participação direta.

Isso depois do Barueri marcar 1×0, aos 5 do segundo tempo, após falha medíocre de Joilson, que havia entrado no intervalo. Susto. Críticas pra cima do treinador…

Mas o São Paulo consertou as coisas. Fez 3 gols em 7 minutos, com a dupla Jorge Wagner/Júnior César entrosada. Dois de Borges (4 gols em 3 jogos, ele embalou!) e um gol contra (mais um nessa temporada) numa dividade de Washington e Diego.

Dessa vez parece não ter valido apenas pelo resultado. Pintou o time ideal?

9ª rodada – Santos 1×0 B0tafogo

1122730-5868-ga

Jogando com um belíssimo mas descaracterizado uniforme azul (pela última vez na história), o Santos conseguiu sua segunda vitória sob o comando de Vágner Mancini, no segundo jogo do treinador.

Os brigões Fabiano Eller e Fábio Costa voltaram. Léo foi titular também. O volante Germano jogou muito bem, sendo um dos destaques da partida. Basta saber se irá manter esse ritmo.

Quem também está em processo de ressurreição é Fabão, que foi titular mais uma vez, e numa cobrança de falta marcou o único gol da partida. Segundo dele no ano!

No final, Léo ainda foi expulso. Mas o importante foi a festa da torcida no Pacaembu, onde aliás, acertadamente, o Peixe está querendo mandar mais partidas. A torcida paulista agradece.

Feriadão

In Uncategorized on 21 de fevereiro de 2009 at 21:28

O blog ficará desatualizado durante o feriado de carnaval.

A partir de quinta-feira, todos os comentários sobre os principais clubes paulistas estarão de volta.

Obrigado!

Estreia escondida

In Copa do Brasil, Santos on 19 de fevereiro de 2009 at 17:14

Copa do Brasil – Rio Branco-AC 1×2 Santos – 1ª fase

018161921-in00

Jogando no Acre, Santos vence o Rio Branco. Classificação será decidida na Vila.

Há quem diga que o Acre não existe. Os torcedores santistas que tentaram acompanhar o jogo de ontem, pela estreia do time na Copa do Brasil, devem ter ficado com a certeza de que realmente o Acre não passa de uma ilusão ou boato. Ninguém transmitiu o jogo para São Paulo.

Outros que devem estar duvidando da existência do Acre nesse momento são Fábio Costa, Fabiano Eller, Léo, Roni e Lucio Flávio. Todos eles ficaram em Santos, por conta de defasagem física (ou seria psicológica?).

E em sua estreia, Vágner Mancini mandou a campo um time com Douglas; Pará, Fabão, Paulo Henrique e Triguinho; Roberto Brum, Rodrigo Souto, Madson e Robinho; Bolaños e Kléber Pereira. Wesley, Molina e Ganso (Paulo Henrique Lima) entraram no segundo tempo.

Isso era importante dizer, já que o torcedor não viu o jogo. Importante também é falar que o Rio Branco saiu na frente, com gol de Juliano César. Mas o Santos virou!

E precisa dizer quem marcou os dois gols!?

Kléber Pereira, que novidade!

O Peixe nao eliminou o jogo da volta com esse resultado.